"Ti-Ti-Ti":

 

"Ti-Ti-Ti": Globo aposta em novo remake para salvar faixa das 19h

Para conseguir salvar a faixa das 19h, que registrou péssima audiência com "Tempos Modernos", a Rede Globo apostou em mais um remake, já que o retorno foi bom nas últimas vezes. "Sinhá Moça", "Cabocla" e "Paraíso" são exemplos de regravações que foram bem-aceitas pelo público. Só que, desta vez, foram remakes dois em um. A "Ti-Ti-Ti" que estreia na segunda-feira (19) é uma mistura da "Ti-Ti-Ti" original, de 1985, com "Plumas e Paetês", de 1980, ambas escritas por Cassiano Gabus Mendes. Com texto assinado pela veterana Maria Adelaide Amaral e direção de Jorge Fernando promete várias inovações.

Para quem não lembra do enredo, a trama gira em torno de dois estilistas rivais, Ariclenes Martins e Jaques Leclair, vividos respectivamente por Murilo Benício e Alexandre Borges. Enquanto Ariclenes é um pé-rapado que morre de inveja do sucesso do arquiinimigo, Leclair, que curte a vida de luxos e é um mulherengo de mão cheia.

"O que eu vi no clipe é exatamente o que eu tinha na cabeça da primeira versão", lembrou Murilo Benício, que contou que, na época, tinha 11 anos. "O Ariclenes, meu personagem, só quer saber do escândalo, só busca a fama. Adoraria vestir a Britney Spears, por exemplo!", brincou o ator.

"O Jacques é meio andrógino", adiantou Borges, que garantiu estar se divertindo horrores com as gravações. Durante a novela ele se envolve com Jaqueline, personagem de Claudia Raia, com quem ele já fez par romântico várias vezes. "Mesmo sendo galinha, o Jacques sabe que o que ele sente por ela é diferente", comentou. Claudia disse que os dois tiveram que se estudar para não caírem em vícios de personagens passados.

"É mais fácil mesmo trabalhar com quem a gente já conhece. E eu e Alexandre temos uma química, já funcionamos bem juntos. Acho que a energia é parecida. Mas estudamos muito na temporada em São Paulo para não repetirmos modos de outros pares", contou a atriz.

Malu Mader, que atuou na primeira 'Ti Ti Ti' como Walkíria Spina, volta ao elenco como Suzana Almeida, ex-mulher de Ariclenes e editora de uma revista de moda. Malu lembra que esta foi primeira novela de Cassiano Gabus Mendes da qual participou, e disse que ficou honrada ao ser convidada para integrar o elenco pela segunda vez.

"Fiquei amarradona com as gravações. Mas não esperem que vá ser tudo a mesma coisa, porque vem coisa nova por aí! O nome já diz, é uma nova versão da novela, ela não ficou estagnada no tempo. Tudo se passa nos dias de hoje, com celular, internet, que já é uma mudança enorme. O Jacques Leclair, por exemplo, tem dois filhos, que não existiam na 'Ti-Ti-Ti' original. E posso adiantar que o texto deles é primoroso, muito inteligente", contou.