Terra Nostra

 

O cenário é o Brasil entre o final do século XIX e início do século XX. A maior parte da história se passa nas fazendas de café do interior de São Paulo, mostrando a imigração italiana no Brasil, com destaque para o romance de Giuliana e Matteo, dois imigrantes italianos que foram tentar uma vida melhor em terras brasileiras.

Giuliana é filha de Giulio e Ana, imigrantes italianos que deixam seu país e vêm para o Brasil a conselho de um amigo compatriota, Francesco. No navio, a jovem apaixona-se por Matteo, e os dois fazem planos de se casar quando chegarem ao Brasil, mesmo os dois nem se conhecendo direito. A morte dos pais de Giuliana, causada pela peste negra (doença causada pela pulga de rato), e a leve infecção de Matteo pela doença aproxima ainda mais o casal, que passa uma noite ardente de amor juntos,sendo a primeira vez de Giuliana, antes de o navio atracar no porto de Santos.

Na confusão do desembarque, Giuliana e Matteo se perdem e seguem rumos diferentes. Ela é acolhida por Francesco, um milionário banqueiro, amigo de seus falecidos pais, que é marido de Janete, mulher prepotente e arrogante, e pai de Marco Antônio, um bon-vivant. Já Matteo vai trabalhar na fazenda de Gumercindo, um barão do café que é casado com Maria do Socorro e pai da meiga Angélica e da cruel Rosana.

Assim que vê a italiana, Marco Antônio se apaixona loucamente por ela. Francesco vê com bons olhos o casamento do filho com a moça, mas Janete não. E a moça também rejeita o amor de Marco Antônio, pois está decidida a reencontrar Matteo. Porém, quando Giuliana descobre que espera um filho de Matteo, Marco Antônio vê aí a chance de ficar com sua amada. Ele pede Giuliana em casamento e, com medo, a moça aceita. Entretanto, Janete arma para que seu filho seja poupado de criar o filho de Giuliana com outro homem. Com a ajuda da governanta Mariana, Janete faz o parto da nora, mas Giuliana desmaia depois de ouvir a criança chorar. Então, Janete manda que Mariana leve a criança para um orfanato bem longe e depois afirma à nora que o bebê nasceu morto.

Enquanto isso, na fazenda de Gumercindo, a beleza de Matteo encanta as irmãs Angélica e Rosana. Angélica é uma moça tímida que quer ser freira, para desgosto do pai. Rosana, impulsiva e de personalidade forte, investe no rapaz, sendo repetidamente rejeitada por ele. Entretanto, para forçar Matteo a se casar com ela, Rosana o seduz e faz amor com o italiano. E, para evitar que Angélica entre para o convento, Gumercindo aceita o pedido de casamento de Augusto, jovem com sonhos de se tornar político.

Augusto, porém, mantém um caso com Paola, bela e fogosa italiana que chegou na mesma leva que Matteo e Giuliana. Para evitar que Anacleto, o pai da jovem, o force a se casar com ela, Augusto monta uma casa para a moça na cidade de São Paulo, e se casa com Angélica. Posteriormente, porém, Angélica e Augusto se mudam para São Paulo, e Paola se torna amiga de Angélica. Assim, Paola percebe que Augusto tem uma boa mulher, e rompe o caso com ele.

Entretanto, por motivos de negócios, Gumercindo se aproxima de Francesco. A esta altura, Matteo já está casado com Rosana, com quem tem um filho, e Giuliana teve uma filha com Marco Antônio, Aninha. Mas o verdadeiro destino do filho de Giuliana e Matteo é descoberto, e o casamento de Francesco e Janete vai por água abaixo, e Giuliana também se separa de Marco Antônio.

Mas para ambos viverem esse grande amor, restam deixarem o passado para trás, e isso inclui duas pedras no caminho do casal que terão de serem superadas: A da asquerosa Rosana e a do egocêntrico Marco Antônio. Mas no fim tudo dá certo, Giulianna se casa com Matteo e eles têm mais um filho, e Matteo aceita criar Aninha, filha de Giulianna com Marco Antônio e ficam muito felizes de reencontrar o filho que eles tiveram.