José Wilker.

 

Famosos lamentam morte de José Wilker aos 66 anos
O ator sofreu um infarto fulminante enquanto dormia em sua casa na manhã de sábado, 5
Segundo a Globonews, o ator morreu em sua casa aos 66 anos na zona sul do Rio de Janeiro, vítima de um infarto fulminante. Ele estava acompanhado da mulher, a jornalista Claudia Montenegro.
Wilker, que foi casado com Renée de Vielmond, Mônica Torres e Guilhermina Guinle, deixa as filhas Isabel e Mariana
Recentemente ele participou da novela Amor à Vida, na qual interpretou o médico Herbert. No cinema, fez o divertido Giovanni Improtta. Wilker era comentarista do Oscar na Globo e já fez 49 filmes na carreira.
Nascido em Juazeiro do Norte, começou a carreira como locutor de rádio no Ceará. Aos 19 anos, mudou-se para o Rio de Janeiro para estudar sociologia, mas abandonou o curso tempos depois. Fez sua estreia no cinema no filme "A Falecida", em 1965. Seu primeiro trabalho de destaque foi no filme "Dona Flor e Seus Dois Maridos", em 1976, imortalizando o personagem Vadinho, inspirado no romance de Jorge Amado.
"Foi um susto, estamos todos chocados com essa morte. Ele era um apaixonado pela profissão, um ator de grande signficado. Com ele em cena você entendia o objetivo de estar ali. Ele sempre foi uma inspiração para mim", disse Malu Mader para a Globonews.
"Ele é um bem eterno. Nunca será uma perda", contou o ator Antonio Calloni para o canal de notícias.
"Estou completamente surpreendido. Era meu grande e querido amigo, um dos maiores companheiros. Estou muito triste", disse o diretor Wolf Maya para a GloboNews.
Famosos lamentaram a morte do ator através das redes sociais.
Fonte: http://caras.uol.com.br/tv/morre-o-ator-jose-wilker-no-rio-de-janeiro